Criticando Ateliê Culinário - Fashion Mall
O Ateliê Culinário voltou. Não no seu formato original ou ideal: instalou-se em um quiosque no Fashion Mall, em frente a uma das escadas rolantes do shopping. Fazer o quê? Felizmente, o espaço é bem resolvido e conta até com uma cozinha de apoio na área do estacionamento. Superado o desapontamento de ver o Ateliê - 23 anos depois de surgir no Leblon, numa simpática lojinha da Dias Ferreira - nessa versão inédita de quiosque, deu para desfrutar as delícias criadas pela chef Vera Saboya. Estão praticamente todas lá. As saladas em bowls, marca registrada da casa, combinam macarrão bifum com frango e pedacinhos micros de cenoura, alho-poró e castanha de caju. Ou trazem um mix de grãos com shiitake, um croc de castanha torradinha e molho adocicado com mel. Deliciosas, custam R$ 25, cada. Entre as muitas opções de quiche - redondinhas e de massa leve como sempre -, sugiro a de espinafre com nozes (R$ 15,50) ou a de abóbora salpicada com lâminas de amêndoas (R$ 15,50), originais e gostosas. Os sanduíches chegam com pães mais levinhos do que antes (a panificação melhorou muitíssimo no Rio). O pão romano com cogumelos grelhados, rúcula, alface roxa, shoyu e gotinhas de balsâmico (R$ 18) caiu bem, enquanto o indiano, com frango, curry e banana-da-terra grelhada, valeu por um almoço (R$ 18). De muffins, são mais de dez tipos (R$ 7). Gosto especialmente do de frutas vermelhas (ando na minha fase >ita<berries do Brasil). E da irrecusável cheesecake de goiaba (R$ 9). Para acompanhar, chás frescos, sucos de frutas e raras opções de vinho. Definitivamente não é o Ateliê ideal. Mas só tê-lo ali, já é meio caminho andado.
Ateliê Culinário - Fashion Mall