Resumo Bar da Portuguesa
Aberto em 1972, o tradicional e premiado bar da Zona Norte da cidade tem o típico cenário de botequim de subúrbio. Próximo ao ramal de trem da Leopoldina, é comandado por dona Donzília Gomes, portuguesa radicada no Brasil desde 1968. Ela é quem mete a mão na massa e faz os quitutes que agradam ao público fiel. Entre eles, está o bolinho de aipim com carne-seca. O circuito completo de petiscos inclui bolinho de bacalhau e pastel de camarão com catupiry, todos pelo mesmo preço. Aos domingos, somente, a casa serve torresmo. O estabelecimento tem importância histórica também. Foi lá o encontro de Pixinguinha, que morava nas redondezas, e do violonista Baden Powell, registrado pelo músico francês Pierre Barouh no documentário "Saravah". Na época, Donzília ainda não estava à frente da casa.
Bar da Portuguesa