Resumo Gibeer
Inaugurado em agosto de 2006, o bar é recomendado para os apreciadores de cerveja. O cardápio traz mais de 40 rótulos de todo o mundo, garimpados pelo sócio, Jeff Folly. Já o chope servido na casa é o Röter Brauhof, produzido em Barra do Piraí, que segue a lei de pureza alemã. E as caipirinhas do Gibeer são preparadas com cachaça artesanal envelhecida entre cinco e dez meses no barril do bar. Nas paredes, bolachas e placas de cervejas internacionais dividem espaço com pôsteres de histórias em quadrinhos. E para matar a fome, uma porção de bolinhos de queijo parmesão com molho de laranja, gengibre e mel; ou um cuscuz marroquino, puxado na manteiga de garrafa, servido com carne-seca picadinha; ou ainda uma picanha uruguaia com molho à campanha e farofa temperada, entre outras opções.
Gibeer