Resumo Arab
A casa oferece pratos típicos da cozinha árabe-judaica e da culinária marroquina. Entre as opções, que vão do café da manhã ao jantar, a casa destaca o famoso pão pita feito na hora, que pode ser acompanhado, por exemplo, pelo záhtar, um mix de especiarias árabes. Na hora do almoço, o bufê a quilo tem outras opções de combinados, como o mix quente com mjadra (arroz com lentilhas e cebolas fritas), duas caftas (de frango ou de boi), oito charutos de folha de uva, uma berinjela recheada com arroz e carne e um quibe, assado ou frito. Já na hora do jantar, é possível provar de tudo no rodízio. Até o dia 25 deste mês, pratos inspirados na culinária de países como Israel, Palestina, Egito e Líbano invadem o Arab, que realiza, a 2 edição do Festival de Fronteira. Para começar, falafel Arab com camarões, hommus e molho taratur, seguido do samak harra (pargo assado em tempero cítrico e extrato de romã recheado com nozes, amêndoas e tâmaras). Por fim, ismallaye, doce feito com massa de aletria, queijo de cabra e tâmaras (R$ 52, o menu).
Arab